Skip to main content

Posts

Showing posts from June, 2010

Tudo Por Amor - Judi Picoult ( o Livro que nunca mais acabava )

Tudo por Amor, fala-nos daquilo que uma mãe é capaz de fazer por amor... ao seu filho.
Nina Frost é delegada do Ministério Público cuja função diária é acusar pedófilos e ajudar as famílias a ultrapassar o pesadelo. Tudo é mais fácil quando se trata de outros com quem nunca se envolve emocionalmente... Mas quando descobre que o próprio filho de cinco anos foi vítima de abusos sexuais, e conhecendo tão bem o sistema legal com que contacta todos os dias, Nina decide, num impulso, fazer justiça pelas próprias mãos...
Faz-nos pensar: até onde iremos por amor? Por um filho?
.
.
“Aqui se encontram as emoções verdadeiras da maternidade, com todas as contradições e toda a intensidade.” – Washington Post
.
"O que vem a seguir ao amor(...) é ser-se mãe." - Tudo por Amor, Jodi Picoult



Este livro foi tão comovente :c que acho que o vou ler outra vez , gostei tanto ! é tão intenso que .. Oh My God ... Só lendo indenderás ....

Livros que ando a ler !!

Título Original: Life in the Refrigerator Door
Autoria: Alice Kuipers
Editora: Editorial Presença
Coleccção: Grandes Narrativas, Nº. 447
Nº. Páginas: 231
Tradução: Rita Graña

Resunho *,* :

Claire e a sua mãe vivem na mesma casa, mas, para todos os efeitos, é como se vivessem em planetas diferentes. Claire tem quinze anos e uma vida imprevisível como qualquer adolescente, enquanto a mãe, uma obstetra dedicada, se vê muitas vezes absorvida por urgências no hospital. As duas raramente se cruzam, e a porta do frigorífico acaba por se tornar a plataforma de contacto onde deixam recados uma à outra e se vão mantendo informadas acerca dos acontecimentos das suas vidas. Mas um dia Claire depara-se com um recado diferente do habitual, e a partir daí terá de lutar contra a distância que as separa e contra o tempo que se esgota... A Vida na Porta do Frigorífico é uma narrativa despretensiosa mas envolvente que mergulha no íntimo de uma relação entre mãe e filha e os sentimentos de apego, culpa, ressen…